Skip to content
Cloreto de Magnésio

Benefícios do Cloreto de Magnésio: Conheça suas Maravilhas!

Benefícios do Cloreto de Magnésio

Conheça os Benefícios do Cloreto de Magnésio!

Vale ressaltar que os Benefícios do Cloreto de Magnésio não tem propriedade de cura. O que ele nos proporciona é uma sensação de bem estar, pois é um elemento vital para o bom funcionamento do nosso corpo.

Neste artigo, você irá conhecer as maravilhas que o Cloreto de Magnésio nos oferece.

Por que o Magnésio é essencial para nossa saúde?

O Magnésio é essencial para nossa vida. Pois ele fica atrás apenas da água e do oxigênio como componente essencial para a vida humana!

Vários órgãos no corpo humano desempenham suas funções com mais eficácia, quando não há deficiência desse mineral em nossa vida.

Nosso coração e todo o sistema cardiovascular são beneficiados, controlando a pressão arterial, e prevenindo vários outros problemas como AVC’s (Acidente Vascular Cerebral), doenças coronárias e ataques cardíacos.

O Cloreto de Magnésio age diretamente em nossas células, expulsando as toxinas e o excesso de cálcio, deixando assim nossas células saudáveis e funcionando em plena performance.

Ele transporta esse cálcio para os ossos, evitando assim a calcificação em tendões e células, prevenindo inúmeras doenças ligadas às articulações.

Este mineral, sem dúvida, é uma excelente fonte de energia para nosso corpo, principalmente para nosso sistema nervoso, como também potencializa nossos glóbulos brancos para a defesa do corpo.

O sistema neurológico também é beneficiado

O Cloreto de Magnésio relaxa nossos nervos, propiciando um sono de maior qualidade. Já o sistema digestivo funciona melhor, pois a transmissão dos nutrientes entre os músculos e células aumentam tanto em quantidade como em qualidade.

Órgãos como cérebro e pulmões não ficam fora dos benefícios que a suplementação correta traz!

O magnésio vai atenuar os efeitos negativos causados pelos antibióticos, deixando todos os nutrientes e minérios em equilíbrio no corpo.

Por que os Benefícios do Cloreto de Magnésio são tão pouco divulgados?

A resposta desta pergunta é bem simples. O Cloreto de Magnésio não pode ser patenteado, pois ele é um elemento encontrado na natureza. Por isto, não tem valor de comércio.

A Indústria Farmacêutica vende produtos que acabam com os sintomas de várias doenças, como dores de cabeça, doenças do coração, ansiedade, diabetes, etc.

Mas por que não resolvemos esse problema, evitando que esses sintomas apareçam, ao invés de sofrer com eles?

Este mineral não tem propriedades curativas, mas ao proporcionar que nosso corpo esteja em plena forma, muitas das doenças citadas acima são evitadas. O Cloreto de Magnésio é acessível, você não precisa ter receita médica para comprá-lo.

Quando você se certifica de que o Magnésio em seu sistema esteja em um nível adequado, a Indústria da Doença, perde dinheiro.

Por isso os benefícios do Magnésio P.A. não são divulgados, pois vai contra a indústria e sociedade extremamente capitalista que vivemos hoje.

Benefícios do Cloreto de Magnésio
Benefícios para o seu Corpo

O Cloreto de Magnésio e nosso corpo

Este mineral essencial age em nosso organismo como um todo, promovendo mais saúde e bem estar.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para o Equilíbrio Químico:

O Cloreto de Magnésio, principalmente o P.A., é responsável pelo processamento de mais de trezentas enzimas em nosso corpo, entre elas a Na/K – ATPase, mais conhecida como Bomba Sódio-Potássio. Esta enzima é responsável pelo equilíbrio em nossas células, além de regular a entrada e saída de nutrientes e eletrólitos das células. A falta desta enzima pode provocar espasmos, principalmente nos músculos e nervos.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para a Gravidez:

De acordo com estudos, realizados em mulheres grávidas, mostraram que o Cloreto de Magnésio não atinge a saúde do feto. Ele foi também bastante benéfico na redução da pré eclampsia, hipertensão na gestação, na prevenção de convulsões e derrames, como também na redução de excessivas contrações do útero.

Estudos vem mostrando que a deficiência de magnésio no período fetal e infantil pode causar problemas crônicos no futuro que podem persistir pelo resto da vida.

Além disso, ele também é muito recomendado por médicos para a prevenção do parto prematuro. Pois tanto o bebê como a mamãe só tem a ganhar em saúde ao manter os níveis bons durante toda a gestação.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para os Neurotransmissores e enzimas:

O Magnésio é responsável pela liberação de energia no corpo humano. Os neurotransmissores precisam de muita energia para sintetizar, armazenar e liberar vários elementos, como:

  • Adrenalina
  • Dopamina
  • Noradrenalina
  • Serotonina: Hormônio responsável pelo humor, memória e aprendizado. Níveis baixos desse hormônio podem ocasionar diversos problemas, como depressão, enxaqueca e insônia.

Distúrbios de natureza afetivo e emocional são manifestados quando há carência deste mineral. A maior ocorrência de episódios são relacionadas à ansiedade. Mulheres na menopausa, que utilizam tratamento com estrogênios também sofrem com esta carência.

De acordo com os estudos feitos até hoje, mais de 300 enzimas são ativadas por este mineral, e esse número só tem a aumentar conforme a pesquisa e ciência evoluem.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para Produção de Energia:

O magnésio é responsável dentro das células na produção de ATP, um combustível essencial para o funcionamento das células. Sem a ATP, funções vitais no corpo humano não são executadas, como por exemplo:

  • Contração das fibras dos músculos
  • Reprodução celular
  • Síntese de proteínas
  • Transporte das proteínas entre células

Para ser ativada, a ATP precisa de íons de magnésio, e por isso é importante que haja mineral suficiente para o bom funcionamento do nosso organismo.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para a Vitamina D:

A Vitamina D é uma das mais importantes no nosso sistema. Ela é encontrada em alguns alimentos, e absorvida à partir da exposição ao sol. Além de estar diretamente relacionada à depressão e energia, ela também previne doenças como cânceres do cólon, da mama e próstata.

Artrite, diabetes, doenças cardíacas e mentais, psoríase e osteoporose são prevenidas com a ação da Vitamina D com o Magnésio. Com isso, ele tanto ativa o metabolismo desta vitamina, quanto também dificulta que haja a deficiência dela em nosso corpo.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para a Absorção do Cálcio:

O Magnésio utiliza a vitamina D na absorção do cálcio no corpo humano. Ao estimular o hormônio calcitonina, ele varre o cálcio de onde ele não pertence, e manda de volta para os ossos.

Dessa forma, doenças ligadas às articulações e pedras nos rins são evitadas. Assim como o cálcio também não fica depositado nas artérias, graças ao esforço conjunto do magnésio e da vitamina D.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para a Pressão Arterial:

Este mineral ajuda a dilatar as veias, evitando que a pressão arterial seja elevada e possibilitando a passagem do sangue com mais facilidade entre os vasos.

Ele também equilibra as quantidades de sódio e potássio em nossas células. Vale lembrar que, o sódio é um dos grandes vilões da pressão arterial e da retenção de líquidos.

Outras ações do Magnésio:

  • Auxilia na dilatação dos vasos sanguíneos.
  • Equilibra os níveis de cálcio na corrente sanguínea
  • Dissolve coágulos
  • Reduz danos no coração e ajuda na prevenções de arritmias
  • É um antioxidante contra os efeitos do enfarte
  • Regula os batimentos cardíacos

Benefícios do Cloreto de Magnésio para o Cérebro:

Estudos mostram que pessoas com níveis de magnésio ideais no organismo possuem uma boa memória, e tem facilidade para aprendizado. Seja tanto para jovens como para idosos.

Este mineral está ligado às realizações das sinapses, e estas por sua vez, estão relacionadas à boa saúde do cérebro.

Quando mantemos os níveis normais, doenças cognitivas como o Mal de Alzheimer são evitadas ou diminuídas. No entanto não é só tomar o magnésio que vai resolver tudo!

Se você ou alguém que conheça sofre desse mal, além do tratamento indicado pelo médico, adicione magnésio em sua saúde.

Juntos, você terá uma melhora significativa em sua qualidade de vida.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para a Próstata:

O magnésio também mostrou resultados positivos no tratamento de infecção urinária, causados pela próstata. Indivíduos com incontinência urinária viram o problema diminuir, ou desaparecer, com o uso diário de Cloreto de Magnésio P.A.

Mas atenção, houve casos de retrocesso entre homens que cessaram o consumo.

Portanto, ao iniciar a suplementação tenha em mente que vai ser um hábito para toda a vida!

Benefícios do Cloreto de Magnésio para a Saúde do Intestino:

O intestino tem como uma das funções, a absorção de nutrientes e água dos alimentos que consumimos. No momento em que o alimento entra no sistema intestinal, o pâncreas manda enzimas que vão processar os carboidratos, gorduras e proteínas.

O Magnésio é responsável por ajudar o pâncreas a produzir essas enzimas.

O intestino delgado, órgão responsável pelo transporte de nutrientes para a nossa corrente sanguínea, é uma das partes do nosso corpo mais propensas à inflamação. O cloreto de magnésio, além de ajudar na produção de enzimas essenciais para a absorção desses nutrientes, também promove a saúde, funcionalidade e proteção contra bactérias, inflamações e infecções.

Assim como previne o acúmulo do cálcio em tecidos, o magnésio também evita que haja excesso de ferro. Porque, este pode causar stress oxidativo e consequentemente um crescimento fora dos padrões de bactérias, tanto em crianças como em adultos.

Pessoas que sofriam com intestino preso também viram excelentes resultados com a implementação do magnésio em suas dietas. A função deste mineral nesta parte é agir como relaxante nas membranas do intestino, e como ele também atrai bastante água, isso facilita para que as fezes fiquem molinhas, tornando a experiência de ir ao banheiro bem mais fácil.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para a Saúde Pulmonar:

A saúde dos nossos pulmões também se beneficia e muito com a suplementação diária do magnésio. Pacientes que sofrem com asma, e outros problemas respiratórios apresentaram uma melhor qualidade de vida incluí-lo em suas dietas.

Apesar dos estudos ainda não serem tão conclusivos com relação aos efeitos do Cloreto de Magnésio em pacientes que sofrem com asma, os resultados tem sido positivos. Aqueles que consumiram o Magnésio tiveram uma ligeira melhora em seu quadro clínico, bem superior aos pacientes que fizeram uso do placebo.

O Magnésio age nas características das membranas das células, resultando numa melhor flexibilidade dos tecidos de nosso pulmão, com isso promove uma melhor respiração. Por ser um anti-inflamatório, o Magnésio auxilia no controle da asma.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para o Sistema Cardiovascular:

Há mais de cinquenta anos, o magnésio vem sendo indicado para o tratamento de diversas doenças cardiovasculares. Na falta dele, pode resultar em insuficiência cardíaca e arritmias pós cirúrgicas, muitas vezes letais. Vários estudos foram realizados sobre os benefícios do magnésio no sistema cardiovascular.

Um estudo feito nos Estados Unidos, revelou que a aterosclerose coronária e ataques cardíacos estão diretamente ligados à uma dieta com baixo consumo deste mineral.

Sem o magnésio as paredes e veias do coração ficam enrijecidas, restringindo o fluxo de sangue, resultando na hipertensão arterial, e até mesmo AVCs. O risco de falecer por doenças cardíacas é mais alto entre pessoas com deficiência de Magnésio.

Ele mantém o cálcio dissolvido no sangue, evitando assim que o cálcio seja depositado e obstrua vasos e artérias no corpo.

Também mantém os tecidos do corpo humano saudáveis, e flexíveis, assim como as veias que percorrem nossos órgãos e músculos, entre eles o coração. Pessoas que ingerem o Cloreto de Magnésio na dieta tem um coração mais saudável, e poucas chances de desenvolver doenças ligadas ao coração e hipertensão.

O Cloreto de Magnésio é um excelente anti-arrítimico

Os sintomas causados pela arritmia também são atenuados, pois atua diretamente ao manter as concentrações de potássio e magnésio em condições normais no tecido musculoso do coração. Com os níveis normais, as contrações do músculo são mais controlados, portanto, os batimentos do coração ficam regulares.

A Insuficiência cardíaca, pós e pré operatórios de cirurgia do coração, revascularização do miocárdio são todas condições patológicas onde o magnésio é utilizado como tratamento. Indivíduos com início de infarto são ministrados com doses de magnésio via intra venal, como forma de tratamento para evitar complicações.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para o Sistema Digestório:

Sem a ATP, os órgãos do sistema digestório não conseguem transformar açúcares e gorduras em fonte de energia. Como já dissemos acima, a ATP necessita do magnésio para funcionar.

O magnésio começa agir na boca. Ele fornece energia para as glândulas salivares produzirem saliva, onde começa a digestão de carboidratos. Como resultado, a mastigação fica facilitada, e dessa forma, quando o alimento chega em nosso estômago, fica mais fácil a absorção dos nutrientes.

Já no estômago, ele auxilia na produção dos nossos ácidos estomacais, que vão digerir as proteínas e nutrientes, como também eliminar bactérias e outros corpos nocivos à nossa saúde.

Ao chegar no intestino, o magnésio vai estar relacionado à digestão de carboidratos, proteínas e todos os demais nutrientes que nosso corpo necessita para funcionar direito. Diretamente no intestino, irá prevenir inflamações oriundas do pâncreas, o câncer, e ainda vai atuar na regeneração do intestino.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para o Sistema Imunológico:

Além de prevenir infecções e inflamações, o cloreto de magnésio vai ajudar na produção de células de defesa do corpo, como anticorpos e glóbulos brancos. O metabolismo e saúde celular também são assegurados por esse mineral tão essencial à nossa saúde.

Há mais de 300 processos de sínteses de energia que dependem do magnésio para ação catalítica, inclusive a tão necessária ATP.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para o Sistema Muscular:

O Magnésio tem um efeito relaxante e calmante em nossos músculos. O magnésio é de extrema importância para o relaxamento e contração muscular, ou seja, para nosso corpo se mover sem nenhum problema.

Ele também previne o acúmulo do cálcio nos músculos. O excesso do cálcio pode causar principalmente contrações, espasmos, e algumas vezes até convulsões. Os músculos necessitam de energia para o movimento, esta energia é fornecida pela ATP, que só é gerada graças ao magnésio.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para o Nervo Ciático:

O nervo ciático é o nervo mais comprido em nosso corpo. Ele inicia na coluna, passando pelo quadril e pernas, e chegando até os pés. Ele controla a maior parte dos músculos das pernas dando sensibilidade às nossas coxas, pés e pernas.

Quando ele está sobre muita tensão, sentimos a dor. Essa dor ocorre principalmente na região inferior da coluna, conhecida como lombar.

O magnésio vai trabalhar na calcificação das vértebras e membros, além de aliviar toda a região, e assim diminuir ou eliminar a dor ciática.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para o Sistema Nervoso:

Estudos comprovam que o cálcio é o principal condutor dos sinais e conduções elétricas feitas por nossos nervos. E comprovado que o Magnésio é o elemento que mantém os níveis de cálcio normais dentro do nosso sistema.

Com a falta de magnésio em nosso corpo, e diminuição do estoque de cálcio para a realização desses sinais, pode provocar o atrofiamento dos nervos e células nervosas.

Mas como assim? O Cloreto de Magnésio nos dá energia e também tem efeito calmante?

Sim, você não leu errado. O Magnésio é uma excelente fonte de energia, e também é calmante. Apesar dos primeiros usos como calmante terem sido feitos para induzir o sono, ele vai muito além disso. A energia que falamos muito a respeito tem mais a ver com todo o trabalho que nosso corpo tem para funcionar, e muitas vezes nem percebemos.

O magnésio ajuda a calmar nossos nervos, evitando a tensão muscular. Auxilia nos movimentos dos músculos, alguns deles vitais como a respiração e o batimento cardíaco. E, nos processos da mente, como pensar e raciocinar, já que atua em nossas sinapses e impulsos elétricos evitando a fadiga, tanto mental quanto muscular.

Benefícios do Cloreto de Magnésio no combate a Variadas Doenças

Veja abaixo inúmeras doenças que são prevenidas ou atenuadas com a suplementação com o Cloreto de Magnésio:

Abscessos:

O abscesso acontece quando há um acúmulo de pus em um tecido, originando uma cavidade que é delimitada por uma inflamação. É algo sério, porque esse pus pode causar até a necrose (morte) do tecido afetado.

O Magnésio possui várias propriedades que combatem essa necrose. Além de ser um desinfectante natural, ele é um ótimo imuno – estimulante, que além de reduzir a inflamação, ele vai ajudar na criação de novas células saudáveis.

Acufeno:

O famoso zumbido no ouvido.

Quando há deficiência do magnésio, o cálcio vai se depositando em vários lugares, ao invés de ficar fixado nos ossos. Esse acúmulo de cálcio pode também causar esse desconforto na audição.

Com suplementação do Magnésio, o cálcio começa a ser fixado onde ele é realmente necessário, e o desconforto causado pelo acufeno é diminuído.

Alergias:

As alergias são caracterizadas por serem uma resposta do nosso sistema imunológico a elementos externos, gerando uma alta sensibilidade.

Blach et al. realizou um estudo onde houve a comprovação dos benefícios do cloreto de magnésio administrados via oral e tópica em indivíduos com alergias de pele, e de outros tipos.

Amigdalite:

Esta doença ocorre quando há uma infecção na amígdala. É algo que se deve tomar muito cuidado, pois a amígdala é um dos órgãos de defesa do nosso corpo, posicionada na entrada de nossas vias digestivas e respiratórias.

Já foi comprovado que o Magnésio ajuda no fortalecimento das defesas naturais do nosso corpo, além de agir no combate da infecção, ele também diminui a inflamação.

Anemia:

Condição que diminui a quantidade de glóbulos vermelhos no sangue.

Estudos comprovaram que, tanto homens quanto mulheres que suplementaram com o Cloreto de Magnésio, tiveram menores riscos de desenvolver anemia, pois o magnésio aumentou os níveis de hemoglobina em seus organismos.

Arritmia:

A arritmia é classificada como sendo uma irregularidade dos batimentos cardíacos. Quando há equilíbrio entre o cálcio, potássio, sódio e magnésio, os músculos do coração contraem em um ritmo normal.

O magnésio ministrado via intravenosa, diminui a frequência das arritmias, e também quando no início do enfarto do miocárdio.

Recomendado em casos de arritmias ventriculares, antes e após cirurgias cardíacas, e em casos de insuficiência cardíaca congestiva.

Asma:

O magnésio pode ser utilizado tanto como tratamento quanto para a prevenção da asma.

Em um estudo realizado em homens adultos com asma leve e moderada, foi observado que ao ingeri-lo, a saúde dos pulmões melhorou, e vários sintomas causados pela asma também obtiveram melhoras.

Este mineral vai trabalhar principalmente na inflamação das paredes dos tecidos dos pulmões, relaxando esses tecidos, para que assim a respiração fique mais facilitada, e os pulmões fiquem mais flexíveis.

A nebulização com o cloreto de magnésio também ajuda muito no tratamento dos sintomas. Basta preparar a solução, com uma parte do cloreto de Magnésio, já diluído na água, com duas partes de água. Depois disso é só colocar no nebulizador.

Essa solução não só trata os sintomas da asma, como também trata e/ou previne câncer de pulmão, gripes, intoxicação química, pneumonia e tuberculose, por exemplo.

Aterosclerose:

Ou arteriosclerose. Essa doença causa um endurecimento dos vasos das artérias. Ela é responsável pela angina, aneurismas arteriais, e por causar infartes. Contudo, os homens são os que mais sofrem com esta doença.

O acúmulo de cálcio nos vasos sanguíneos é um dos principais agentes de desenvolvimento da aterosclerose. Com artérias e veias mais duras, a pressão arterial vai nas alturas, além de aumentar a possibilidade de ataques cardíacos.

Com a suplementação do Cloreto de Magnésio, a ação do cálcio é prevenida. Com este mineral em ação irá dissolver possíveis coágulos, além de manter as veias e artérias saudáveis e flexíveis, sem nenhuma obstrução.

Bronquite:

A bronquite nada mais é do que uma inflamação que acomete os brônquios. Estes são responsáveis pela condução do ar para dentro dos pulmões, auxiliando na contração e relaxamento dos tecidos dos pulmões no processo respiratório.

O Magnésio, além de ter propriedades anti-inflamatórias, também vai limpar os pulmões e garantir que eles e os brônquios fiquem saudáveis.

Câncer:

Estudos mostram que a maior incidência de câncer está ligada aos baixos níveis de magnésio no corpo humano. O câncer nada mais é do que uma célula degenerada, que sofre mutação e se multiplica em nosso organismo. E uma das principais funções deste mineral é de garantir a boa saúde de nossas células.

Células saudáveis dificilmente irão sofrer mutação. E quando essas células morrem, o magnésio funciona como uma vassoura, varrendo essas potenciais toxinas do nosso sistema.

Diabetes:

O diabético enfrenta uma batalha nele mesmo todos os dias. É uma das pessoas que mais necessitam deste mineral, como também uma das que mais o perdem. Estudos feitos sobre o assunto, indicam que pessoas que fazem consumo do cloreto de magnésio sofrem menos riscos de desenvolver o diabetes tipos 2.

Inúmeros estudos comprovaram que quanto menos o consumimos, maiores são as chances de se desenvolver diabetes.

O magnésio é essencial para que o pâncreas produza insulina, o hormônio responsável por metabolizar a glicose no sangue. É a insulina que vai transportar o magnésio para o interior das células.

Para a insulina funcionar em nosso corpo, precisamos do magnésio, e o mesmo é dependente da insulina para o enviar onde é necessário.

Para que tenhamos uma boa saúde, precisamos ter certeza de que haja bons níveis de magnésio em nossos organismos.

Doença de Crohn:

A doença de Crohn, ou síndrome da má absorção, é uma doença inflamatória que afeta principalmente o intestino, cólon e íleo, como também qualquer área do nosso sistema gastrointestinal. Os principais sintomas são: diarréia, dor abdominal, febre e perda de peso, que podem acarretar em uma anemia, pela perda de nutrientes e vitaminas.

Esta doença se manifesta quando há um desequilíbrio entre as bactérias presentes na flora intestinal. Quando a bactéria E. coli sofre um aumento, o sistema imunológico no local é ativado, desencadeando assim a doença de Crohn.

É necessário a suplementação para melhorar os níveis de magnésio no corpo, para que assim os processos enzimáticos sejam iniciados o mais rápido possível, evitando mais desgaste dos órgãos afetados pela doença.

Doenças de Parkinson e Alzheimer:

A doença de Parkinson acontece quando há uma disfunção das atividades dos neurônios responsáveis pela dopamina, que controlam os comandos conscientes originados no córtex cerebral para nossos músculos.

Os benefícios do Cloreto de Magnésio também contemplam na prevenção ou atenuação do Parkinson. Estudos sugerem que a concentração desse mineral são reduzidos na base do cérebro em pessoas que sofrem com esta doença. A suplementação pode ajudar na superação de muitos sintomas dessa doença.

Já a doença de Alzheimer está relacionada com a perda da memória.

Inúmeros estudos comprovaram que este mineral não deixa que o cálcio se acumule nas células, e com isso ele faz com que tenhamos células mais saudáveis em todo nosso corpo. Não é diferente com as células e neurônios!

Além de tudo, com a suplementação do cloreto de magnésio, garantimos que nossas células e neurônios não morram, o que vai nos proporcionar um grande salto em qualidade de vida.

Enxaqueca:

É caracterizada por uma irritação no cérebro causada por variados fatores, como por exemplo:

Anormalidades nas mitocôndrias, aumento dos níveis de óxido nítrico e cálcio, além do consumo exagerado de cafeína e analgésicos.

Uma vida mais sedentária, e insônia também contribuem para esse desconforto.

O magnésio vai ajudar a limpar o cálcio em excesso no cérebro, garantindo assim um relaxamento em sua musculatura ao diminuir os hormônios de excitação como a acetilcolina e serotonina, e baixando os níveis de receptores NMDA.

Portanto, quanto menor o teor de magnésio em nosso corpo, maiores são as chances de episódios de enxaquecas, e também há a possibilidade de que ela evolua para quadro crônico. Portanto faça a suplementação com o Cloreto de Magnésio P.A. como tratamento para essas dores.

Epilepsia:

A epilepsia ocorre quando há níveis extremamente anormais no sangue, o que causa extrema excitabilidade em áreas do cérebro.

O magnésio inibe convulsões, limitando a propagação de descarga elétrica de um grupo de células para o resto do cérebro.

Muitos casos de epilepsia melhoraram ou desapareceram com a suplementação do Cloreto de Magnésio P.A.

Espondilite Anquilosante:

A espondilite anquilosante parece ser um nome estranho, mas você com certeza já viu alguém sofrendo desse mal. Esta condição é culpada por dar às pessoas a aparência das “corcundas”. Ela é uma doença crônica inflamatória, que “solda” as articulações da coluna umas nas outras, acarretando na perda da mobilidade da coluna. O magnésio ajuda na diminuição das dores.

Fibromialgia:

É uma doença caracterizada por dores generalizadas, cansaço e problemas no sono, além de outros sintomas, que variam de pessoa para pessoa.

Muitas pessoas são beneficiadas com a suplementação com Cloreto de Magnésio, porque o magnésio age no bom funcionamento dos músculos, do humor, da produção de energia e do sistema imunológico. Todos muito prejudicados em pessoas com essa síndrome.

Níveis de potássio elevados são característica da fibromialgia, e também de quando há deficiência de magnésio. O potássio em excesso pode causar câimbras, espasmos e dor.

Ao iniciar a suplementação com o Cloreto de Magnésio, vários sintomas são atenuados ou até mesmo eliminados, como por exemplo:

  • Ansiedade
  • Arritmias
  • Cansaço
  • Depressão
  • Dores
  • Dores de cabeça
  • Fadiga
  • Fenômeno de Raynaud (quando áreas do corpo ficam dormentes e frias em certas circunstâncias)
  • Fibro nevoeiro
  • Prisão de ventre
  • Problemas de sono
  • Rigidez muscular
  • Sensibilidade excessiva
  • Sensibilidade química
  • Transtorno Bipolar

Hérnia Discal:

Nossa coluna vertebral é composta por 33 vértebras, e entre estão os discos, que ajudam ligar uma à outra. A hérnia discal ocorre quando há um rompimento destes discos, causando desconfortos e até dores.

Os discos são constituídos principalmente por colágeno. Já vimos acima a importância do magnésio para a formação do colágeno.

Além das hérnias discais, níveis normais de magnésio em nosso corpo também vão evitar vários outros problemas, como bursites, esporões, e artrose na coluna.

Hipertensão Arterial:

Ela acontece quando nosso corpo precisa fazer mais força para bombear o sangue do coração para o resto do corpo.

Há várias razões para que haja necessidade desse esforço, seja pelo acúmulo de substâncias em nossos vasos sanguíneos, ou porque eles estão mais rígidos. Quando suplementamos com o magnésio, nossas artérias e veias ficam mais flexíveis, e todo acúmulo de cálcio é eliminado das paredes dos vasos sanguíneos.

O magnésio auxilia na dilatação das veias, com isso, ajuda a baixar a pressão sanguínea.

Miocardite:

A miocardite é uma condição que altera o miocárdio. Pode causar insuficiência cardíaca, e também aumentar o volume do coração.

O magnésio vai funcionar como um agente protetor, mantendo os vasos e músculos do coração em condições normais ao controlar os níveis de cálcio nas veias e no coração.

Osteoporose:

Para termos ossos saudáveis e fortes, são necessários 18 nutrientes, incluindo o Magnésio. Então é um erro pensar que apenas a suplementação com cálcio é suficiente! Em indivíduos que tem deficiência de magnésio, a suplementação do cálcio pode até gerar vários problemas!

O magnésio vai agir no processamento do metabolismo do cálcio no corpo humano. Ao produzir a Calcitonina, o magnésio garante a preservação da estrutura de nossos ossos, ao retirar o excesso de cálcio do sangue e dos tecidos moles, enviando-os e fixando-os nos ossos.

A vitamina D é essencial para ajudar os ossos a absorver o cálcio, e o magnésio é importante na ativação da vitamina D.

Com isso, é necessário que haja um equilíbrio entre o cálcio e o magnésio em nosso organismo. Pois o magnésio garante que o cálcio fique dissolvido em nosso corpo e sangue, evitando o entupimento dos vasos sanguíneos, e cálculos renais pelo acúmulo desse mineral.

Além de que este mineral ajuda a levar o cálcio que precisamos até nos ossos, para que assim eles fiquem fortes e saudáveis, evitando desenvolver doenças como a osteoporose.

Pedras no rins:

Quem tem, sabe o quanto é doloroso! As pedras nos rins são formadas em sua grande maioria por oxalato de cálcio, (cerca de 75% das pedras produzidas), enquanto que o ácido úrico é responsável por cerca de 10 a 15% do cálculo renal.

O oxalato de cálcio se forma com o acúmulo do cálcio onde ele não pertence. Nos rins, o magnésio age como um elemento na urina que vai inibir a cristalização do cálcio, processando e enviando esse cálcio para onde ele é necessário! Quando a pessoa tem falta deste composto químico inorgânico, é bem provável que ela tenha, ou desenvolva cálculos renais.

Basta suplementar com o Cloreto de Magnésio P.A. que vai ajudar na dissolução desse cálcio acumulado. Ele atuará na regeneração das células e melhorará a saúde de seus rins.

Poliomelite:

A Poliomelite é causada por um vírus, que afeta os nervos, resultando em uma paralisia parcial ou total. Mais conhecida como paralisia infantil, esta doença pode afetar também os adultos.

Nem toda inflamação da garganta é sintoma dessa doença, mas quando a coluna começa a inflamar também aí temos um sinal de alerta. Procure um médico, e ao realizar o tratamento indicado por ele, adicione a suplementação do Cloreto de Magnésio P.A. diluído.

Muitas paralisias são evitadas, ao tratar essas infecções desde o princípio com Magnésio.

Refluxo:

A doença do refluxo gastroesofágico e refluxo ácido são causados por um mau funcionamento do esfíncter esofágico. O mau funcionamento do esfíncter é causado pela pressão intra-abdominal.

A pressão intra-abdominal é causada pelo crescimento excessivo bacteriano. Este excesso de crescimento bacteriano é causado por baixo ácido estomacal.

Sendo assim, a produção de ácido estomacal é impossível sem magnésio!

Rinite:

A rinite acontece quando há uma inflamação da mucosa nasal, ocasionando espirros, tosses, coriza.

Além de fazer suplementação com o Cloreto de Magnésio P.A., lavagens e nebulizações são também muito eficientes.

Prepare a solução sendo uma parte deste mineral já diluído, para duas de água. Coloque em um frasco conta-gotas e aplique direto nas narinas, ou coloque a solução no aparelho nebulizador.

Retinopatia Diabética:

Também conhecida como cegueira em diabéticos.

Quando a diabetes está em um estágio avançado, os vasos sanguíneos em nossos olhos podem perder o controle e liberar sangue ou outros fluídos na retina. Isso causa problemas sérios de visão, levando até à cegueira.

A carência deste mineral é um dos fatores que contribuem para a cegueira causada pela retinopatia diabética. Com a suplementação, o diabético não só vai evitar que aconteçam esses agravamentos, como também vai ter um maior controle da diabetes em seu organismo.

Tendinite:

As tendinites são inflamações nos tendões, que são as membranas que ligam nossos músculos aos ossos.

Em alguns casos, pode até haver inchaços na área.

O magnésio vai ajudar a tratar essas inflamações, melhorando a flexibilidade e saúde dos tendões.

Tonturas:

Tonturas e enjoos são alguns dos sintomas que aparecem quando há uma deficiência de magnésio crítica no corpo humano.

Mas é óbvio que tonturas podem estar ligadas à uma outra doença ou outro problema. Porém está indiretamente relacionado à deficiência deste mineral, pois estando em níveis normais, várias doenças não se manifestam no organismo.

Benefícios do Cloreto de Magnésio
Benefícios para o seu Bem Estar

O Cloreto de Magnésio em nossa Qualidade de Vida

Com a suplementação de cloreto de magnésio nossa qualidade de vida melhora em todos os sentidos. Confira mais alguns benefícios que fazem toda diferença em nosso dia-a-dia.

Benefícios do Cloreto de Magnésio contra Agressividade, Depressão e Suicídio:

Quando há deficiência de magnésio no corpo, há também uma deficiência dos níveis de Serotonina, o hormônio da felicidade.

A queda desse hormônio está ligada a quadros de agressividade, depressão e suicídio. O alcoolismo, consumo de drogas, e períodos longos sob stress podem afetar os níveis deste mineral no nosso corpo.

Para completar, os alimentos que consumimos são pobres em magnésio, por isso que a suplementação é tão importante!

Benefícios do Cloreto de Magnésio em Ansiosos:

A ansiedade é com certeza um dos males deste século. Essa doença muitas vezes perigosa ataca todo mundo, desde crianças até idosos.

No mercado, há vários ansiolíticos que combatem a ansiedade, porém eles tem muitas contra indicações como boca seca, dificuldade ao concentrar, fadiga, sonolência, tonturas, perda de líbido e muitas outras. Já o magnésio não causa todos esses sintomas, e é uma opção bem mais acessível!

Ele possui um efeito calmante em nossos músculos e sistema nervoso. No cérebro, tem a função de bloqueador do NMDA. Um receptor cerebral que quando estimulado pelo cálcio, causa uma hiper excitação no cérebro, desencadeando ansiedade, depressão, irritabilidade e stress.

Além da ansiedade, o Magnésio é excelente no combate e na prevenção dos sintomas de depressão e ataques de pânico.

Benefícios do Cloreto de Magnésio na Apneia:

A apneia é um distúrbio, relacionado ao sono, onde ocorre a interrupção e retomada da respiração várias vezes.

Em um estudo realizado em recém nascidos prematuros, foi observado que este mineral ajudou na redução da apneia nesse grupo. Ele promove a boa saúde de todos os órgãos em nosso corpo, inclusive os pulmões e todo aparelho respiratório.

Com níveis do Magnésio excelentes, as paredes dos pulmões ficam mais flexíveis, e nossa respiração mais fácil e eficiente. Além da apneia, outras doenças ligadas ao pulmão são evitadas ou atenuadas.

Benefícios do Cloreto de Magnésio no quadro de Autismo:

Estudos mostram que a Vitamina B6 traz bons resultados no tratamento do Autismo, e essa vitamina aliada ao magnésio apresentou resultados ainda melhores.

Assim como o magnésio, a vitamina B6 também está relacionada à produção de neurotransmissores, como por exemplo, a serotonina, que ajudam no equilíbrio do sistema nervoso.

Este mineral vai auxiliar a vitamina B6 a desempenhar seu papel, pois ele irá garantir a transferência do fosfato, já que a vitamina B6 precisa da fosforilação para ativar.

Portanto, para o tratamento do autismo, não basta apenas fazer o uso da vitamina B6. Junte a suplementação com o Cloreto de Magnésio P.A. para potencializar seu efeito!

Benefícios do Cloreto de Magnésio para o Emagrecimento:

Sim, você não leu errado. Além de proporcionar muitos benefícios na prevenção de várias doenças, o cloreto de magnésio também vai lhe ajudar a emagrecer. Ele auxilia na produção de energia e absorção de nutrientes, mantém os níveis de insulina regulados no organismo, e para fechar com chave de ouro: ajuda no combate ao stress!

Aquela vontade de comer por ansiedade e impulso vai diminuir bastante! Para mais informações leia o nosso artigo Cloreto de Magnésio Emagrece? Veja os Benefícios nesse processo

Benefícios do Cloreto de Magnésio relacionados com o Envelhecimento e Doenças Degenerativas:

Células que possuem níveis baixos de magnésio sofrem com envelhecimento acelerado, diz o estudo documento no artigo da revista Proceedings of the National Academy of Sciences (7 de Abril de 2008).

Conforme o organismo vai envelhecendo, o metabolismo vai sendo alterado, e acaba por reduzir a capacidade do organismo de se adaptar à deficiência deste mineral. Por isso “parece” que pessoas idosas tem mais doenças do que os mais jovens.

Contém propriedades antioxidantes, que funciona como uma prevenção contra o envelhecimento precoce e as doenças degenerativas. Ele retarda o encurtamento dos telômeros, componentes dos nossos cromossomos responsáveis por impedir que haja desgaste em nosso material genético, e por manter nossos cromossomos estáveis.

Por ser uma vassoura do cálcio onde ele não pertence, em nosso sistema nervoso, ele inibe sua toxidade e ajuda também na eliminação do glutamato, evitando perdas de funcionalidade.

Estas são algumas das doenças provocadas pela perda das funções dos neurônios:

  • Câncer
  • Diabetes
  • Doenças cardíacas
  • Doença de Parkinson
  • Doença de Alzheimer

Em resumo, este mineral vai prevenir que haja uma toxidade causada pelo cálcio e glutamato, e assim evitar a morte das nossas células e neurônios, contribuindo no anti envelhecimento.

Com a suplementação do cloreto de magnésio em idosos, além de prevenir e retardar essas doenças degenerativas.

Ele também promove uma melhora da nossa disposição mental e física, atenua problemas como arritmias e hipertensão, e alivia problemas relacionados à articulações e ossos.

Benefícios do Cloreto de Magnésio contra a Fadiga:

Fadiga e fraqueza são uns dos sintomas da deficiência deste importantíssimo mineral no corpo humano.

Quando há falta em nosso corpo, não consegue processar a ATP, fonte de energia essencial para o funcionamento de células, músculos e órgãos.

A suplementação do Cloreto de Magnésio é indicada para todas as pessoas, primordialmente para atletas que praticam exercícios extensos ou de alto impacto e idosos.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para a Hiperidrose:

A hiperidrose, ou suor excessivo, é uma situação que se caracteriza pelo excesso de transpiração que um corpo produz. Ela pode ocorrer normalmente para facilitar a perda do calor em nosso corpo, como também pode acontecer em situações estressantes.

As pessoas afetadas por esse problema sofrem com desgastes físicos e também psicológicos, chegando inclusive a mudar hábitos em sua vida para atenuar essa condição.

De acordo com estudos feitos pelo Jornal Internacional de Dermatologia, indivíduos que sofriam com a hiperidrose tinham níveis baixo de magnésio. Ele atua como fator relaxante, acalmando o sistema nervoso e prevenindo que nosso corpo entre em estado de stress.

Benefícios do Cloreto de Magnésio para a Memória:

Estudos realizados pelo Instituo de Tecnologia de Massachusetts, EUA, mostraram que a memória também é beneficiada com a suplementação do Cloreto de Magnésio P.A.

Ele melhora o funcionamento cognitivo, e também aumenta o número das sinapses em nosso cérebro. Além disso, evita que o cálcio entre em nossos neurônios, prevenindo assim que haja a calcificação e morte dos mesmos.

Benefícios do Cloreto de Magnésio na Menopausa:

Nas mulheres, o período na menopausa é sinônimo de pesadelos. É durante esse processo que o corpo feminino passa por inúmeras transformações devido ao desequilíbrio hormonal natural que acontece.

Vários estudos já confirmaram que durante está fase da vida, ocorre uma deficiência de magnésio no organismo. Como também, se a mulher sofre com a falta deste mineral por um longo tempo, pode acontecer a menopausa precoce.

O estrogênio entra em colapso e não é produzido, pois com a falta deste mineral não é possível sintetizar a Vitamina D e o Cálcio para a produção do hormônio.

Com isso, o metabolismo entra em crise, agravando ainda mais os sintomas da menopausa.

Além disso, estudos apontam que a causa da osteoporose em mulheres está muito mais ligada à deficiência de magnésio do que de cálcio.

Benefícios do Cloreto de Magnésio na Qualidade do Sono:

O magnésio é um indutor natural do sono. Ele regula os receptores Ácido Gama Aminobutírico (GABA) e N-MetilD-Aspartato (NMDA), que estão diretamente associados ao ciclo que ajuda a controlar o sono.

Também ajuda produzir a serotonina, que além de ser o hormônio da felicidade, ele também promove o bem estar do nosso corpo e ajuda na regulação do sono.

Benefícios sobre o sono:

  • Diminuição do tempo para cair no sono, e para acordar
  • Mantém o sono profundo durante o período da noite
  • Diminuição da sensação de cansaço quando nós despertamos
  • Redução dos níveis do cortisol, hormônio do stress
  • Promove um sono mais eficiente e restaurador.

Benefícios do Cloreto de Magnésio na Sexualidade:

Sim, sua vida sexual pode melhorar e muito com a suplementação desse mineral.

Em homens ele ajuda a aumentar e restaurar a libido sexual, bem como aumentar o impulso sexual. A deficiência deste mineral pode causar a ejaculação precoce e disfunção erétil.

Além de evitar tais problemas, a suplementação com o cloreto de magnésio auxilia no tratamento da impotência, e vai aumentar a motilidade e o número dos espermatozoides.

Em mulheres, ele também age como estimulante e aumenta o impulso sexual. Isso faz com que haja uma diminuição da frigidez estimulando a ovulação.

Também irá ajudar a aliviar os sintomas da TPM, menopausa, irritabilidade, insônia, apatia ou tensões.

Benefícios do Cloreto de Magnésio relacionados à Síndrome das Pernas Inquietas:

A SPI, síndrome das pernas inquietas, é uma doença crônica, onde o indivíduo sente uma vontade de mexer as pernas com a intenção de aliviar a dor, cócegas ou comichões nos músculos.

Essa sensação acontece na maioria das vezes quando tentamos dormir, ou estamos deitados.

De acordo com o Dr. Mark Circus, essa síndrome está ligada à uma séria deficiência do magnésio nas pessoas. Os indivíduos que fazem a suplementação obtêm um alívio rápido desses sintomas desagradáveis.

Ele age principalmente na eficiência do nosso sistema muscular e ósseo. Como resultado, obtém um efeito calmante nos músculos.

Benefícios do Cloreto de Magnésio relacionados ao Stress:

Quando em Stress, o corpo libera um hormônio chamado cortisol, que está relacionado com uma severa queda de cabelos.

Vítimas de queimaduras e atletas após fazerem exercícios extenuantes, possuem um alto nível desse hormônio em seus organismos.

Além de tudo, o corpo quando está em estado de stress “queima” muito mais magnésio. Por isso, quando é realizado a suplementação, os níveis de cortisol caem gradativamente.

Benefícios do Cloreto de Magnésio na TPM (Tensão Pré Menstrual):

Com certeza, a grande maioria das mulheres sofrem com a Tensão Pré Menstrual (TPM). Os sintomas são bem variados. Irritabilidade, fadiga, depressão, inchaço, dor de cabeça, dores musculares, mal estar, cólicas, compulsão por doces e facilidade para chorar.

Já foram feitos estudos dos níveis de magnésio durante a TPM. Constataram que, as mulheres que mais sofrem com esse mal são as que tem os menores níveis em seu organismo.

Mulheres com quadro de TPM, apresentaram níveis altos de estrogênio no sangue, enquanto os níveis de progesterona diminuíram neste período.

Este mineral é responsável por manter em equilíbrio os níveis do estrogênio, hormônio estimulante, e da progesterona, hormônio depressor.

Desta maneira, os sintomas causados pela TPM são atenuados e/ou eliminados com a influência deste mineral em nosso corpo.

Faça a suplementação com o Cloreto de Magnésio P.A.

Cloreto de Magnésio, poderoso DETOX natural!

Componente importante no processo de síntese da molécula da Glutationa. Conhecida principalmente por ser uma molécula antioxidante capaz de neutralizar o mercúrio, e também outras toxinas presentes em nosso organismo.

O Magnésio também é responsável pela reparação no DNA e da regeneração celular!

Ele age no sistema imunológico, aumentando a produção de elementos de defesa como os anticorpos e glóbulos brancos.

O Cloreto de Magnésio na Estética

Além de todos os benefícios, o magnésio influencia diretamente na aparência, como a nossa pele, cabelos e dentes.

A Cárie Dentária e o Cloreto de Magnésio:

A cárie é causada pelo excesso de ácidos, como por exemplo o açúcar, na superfície dos nossos dentes. Os ácidos produzidos vão corroendo o cálcio na camada protetora de esmalte, resultando na cárie.

Estudos feitos por Rodale e Taub, revelaram que é o Magnésio o principal componente do esmalte resistente a essa deterioração. Isso prova que não é o cálcio como popularmente pensado.

Portanto, além de garantir que tenhamos a quantidade necessária de cálcio e fósforo, também precisamos deste mineral. Pois ele evita a deterioração de nossos dentes e garante uma boa saúde dentária.

Benefícios do Cloreto de Magnésio e o Colágeno:

O colágeno é uma proteína responsável pela ligação, nutrição, proteção e sustentação de tecidos. Pele, órgãos, ossos, tendões, músculos e cartilagem são alguns dos tecidos que necessitam do colágeno. Então com ajuda do Magnésio, o colágeno é sintetizado na célula e expelido dela, para áreas onde é necessário.

De fato quando há deficiência do Colágeno, podem surgir vários problemas como:

  • Rigidez nos músculos
  • Má formação dos ossos
  • Problemas no crescimento
  • Inflamações nas juntas
  • Doenças de pele
  • Temidas rugas e flacidez

Acne, Eczema, Psoríase? O Cloreto de Magnésio P.A. resolve!

Muitas pessoas sofrem com as acnes. Mas o que o Cloreto de Magnésio tem haver com elas? A acne é uma situação onde os poros da nossa pele são entupidos com gordura e células mortas. Bactérias invadem esses poros obstruídos, e causam a inflamação.

Stress e desequilíbrio hormonal são fatores que causam as acnes. Como também uma alimentação pobre em nutrientes, e com excessos de ácidos, como por exemplo, as junk food.

Equilibra os hormônios do Organismo!

Este mineral vai tanto equilibrar os hormônios em nosso corpo, como também atuar contra as inflamações ao reforçar nossas defesas. Ele também age no relaxamento do sistema nervoso, logo seus níveis de stress irão reduzir muito!

Células de gordura vão também ser processadas e tudo que não for útil para o corpo será eliminado. Desta forma, a pele fica mais bonita e saudável.

O eczema é um termo utilizado para definir doenças que afetam a pele, que a deixa inflamada, irritada e seca.

Também, quando há deficiência desse mineral, como resultado, nosso corpo começa a produzir uma proteína chamada Histamina. Ela pode causar comichões, edemas e até vermelhidão em nossa pele.

Estudos comprovam que a reposição do Magnésio, com banhos de sais de Epsom ajudam muito no tratamento do eczema. Ao desintoxicar o organismo, ele diminui a inflamação, a coceira e ainda melhora a hidratação da nossa pele.

A psoríase é caracterizada por ser uma inflamação na pele, que pode afetar mucosas, nossas unhas e até mesmo articulações. O Padre Beno Schor, tratou com sucesso um caso de psoríase em 1993. Na ocasião, aplicou magnésio concentrado na pele danificada, que se regenerou com esse tratamento.

O Magnésio e a saúde da Pele:

Nossa pele é um dos principais indicadores se nosso corpo está saudável. Pois quando há falta de elasticidade, perda de brilho, ou da capacidade de rejuvenescer. É sinal de que algo está errado.

Portanto, o tecido conjuntivo é extremamente dependente do magnésio e sem ele não há uma eficiente cicatrização.

Além de ajudar nos processos de regeneração e reprodução da célula. Sobretudo, se o cálcio estiver em níveis elevados, a pele fica mais frágil, e as chances de se machucar aumentam.

O óleo de Magnésio pode ser utilizado topicamente. Para isso, aplique a solução nas áreas onde haja dores, manifestações de calcificação, e infecções e inflamações. Ele proporciona um alívio rápido, agindo diretamente na região onde mais necessita.

Muitas mulheres acreditam que tomar anticoncepcionais ajuda na saúde da pele, mas isso não é bem verdade. Pois os anticoncepcionais são muito bons em alguns casos.

Entretanto, contraindicações como inchaços e episódios de mau humor são muito comuns.

Cabelo:

Nosso cabelo também se beneficia com a suplementação do Magnésio!

Ao ajudar na produção de colágeno, o cabelo vai ficar mais sedoso e brilhante. Assim, evita o desenvolvimento da calvície e da alopécia.

Essas patologias ocorrem como resultado do acúmulo de cálcio nos poros capilares. Fazendo com que não tenha uma boa circulação do sangue, e evitando que o cabelo receba todos os nutrientes necessários.

Portanto, com os níveis de magnésio regulados, como resultado, não haverá o acúmulo de cálcio.

Enfim, outros fatores como a diabetes e infecções que causam a queda de cabelo são atenuados.

Celulite:

A celulite afeta principalmente quase todas as mulheres, ocorrendo em áreas como coxas, nádegas, pescoço e tronco. Ela é uma inflamação do nosso tecido celular, que faz a pele parecer uma “casca de laranja” visualmente.

O Magnésio, além de desinflamar as regiões afetadas, também melhorou a hidratação e saúde da pele. Visto de acordo com Proksh, em sua publicação em International Journal of Dermatology, (2005)

Além da suplementação com o Cloreto de Magnésio, experimente também utilizar o Óleo de Magnésio. Veja os detalhes AQUI

Unha:

Assim como a pele, nossa unha também pode comunicar se há algo de errado conosco. A deficiência de magnésio afeta principal na má formação e mau crescimento das nossas unhas.

Aliás, hipotireoidismo também pode causar unhas quebradiças, e assim como está ligado aos baixos níveis de Magnésio em nosso corpo.

Mãos trêmulas, frias, unhas macias e frágeis também estão relacionados com baixos níveis deste mineral. Mas as famosas manchas brancas e unhas de aspecto ruídos ou sulcos verticais são sintomas de deficiência mineral geral.

Além da suplementação com o Cloreto de Magnésio, adote mais esta ideia!

Alguns dos nossos hábitos podem influenciar negativamente nos níveis deste mineral em nosso organismo. Pois uma dieta com excessos de açúcares, alimentos industrializados e álcool só prejudica nossa saúde!

Assim como excesso de café, chocolate, proteína animal, alimentos muito salgados, além da grande ingestão de laticínios também.

Portanto, ao iniciar a suplementação com o Magnésio, é fundamental que você também adote hábitos de vida mais saudáveis, assim como uma alimentação equilibrada e a prática de exercícios físicos regulares. Além do mais, fique atento também ao ambiente ao seu redor, e não se deixe levar pelo stress!

Benefícios do Cloreto de Magnésio: Conheça suas Maravilhas!
5 (100%) 10 votes
DMCA.com Protection Status
error: Content is protected !!