Skip to content
Cloreto de Magnésio

O que é

O que é Cloreto de Magnésio

O que é Cloreto de Magnésio? E por que devo tomá-lo?

Se você chegou até este artigo é porque gostaria de saber o que é Cloreto de Magnésio e porque você deve começar a fazer uso ainda hoje!

Trata-se de um composto químico de cloro e magnésio, expressado como MgCl2, extraído da água salgada e de lugares como por exemplo:

O Mar Morto e o Great Salt Lake, Estado de Utah, EUA.

O magnésio é objeto de estudo por cientistas no mundo inteiro há muitos anos. No entanto, só foi estudado no Brasil na década de 1980, pelo Padre Beno J. Schorr. É através de seus estudos, que começamos compreender mais sobre ele e como atua em nosso organismo.

Em sua definição, o que é Cloreto de Magnésio?

“O cloreto de magnésio é uma descoberta fulminante da década de 1980, pouco difundida. Não é medicamento mas, sim, alimento essencial para a vida, a ponto de animais novos, bem tratados mas sem magnésio, morrerem todos em um mês. O magnésio controla 18 minerais e tem umas 300 funções”. Pe. Beno José Schorr – Prof. de física, química e biologia – Colégio Catarinense.

Se na década de 80, no auge da descoberta, este mineral já era tão importante, hoje ele é fundamental. Apesar da divulgação a  passos lentos, ainda assim várias pesquisas vem sendo divulgadas desde então, e muito foi descoberto a respeito deste suplemento indispensável ao nosso corpo.

Por que devemos fazer uso do Cloreto de Magnésio?

Pelo fato do Cloreto de Magnésio ser um dos minerais mais importantes para a saúde em geral, e por ele estar presente em  centenas funções bioquímicas no organismo.

Regula o metabolismo do cálcio, cuja principal função é a formação de ossos e dentes. Contudo, a importância do cálcio para o nosso corpo é indiscutível, além da sua participação na coagulação e no sistema neuromuscular. Porém para que ele faça seu trabalho em nosso organismo, depende muito do magnésio.

Este Mineral é extremamente importante para a função enzimática, produção de energia para regular os batimentos cardíacos e o funcionamento do sistema nervoso. Além de tudo, ele ajuda na absorção de vitaminas e minerais vitais como o cálcio, potássio, fosforo e sódio.

Pesquisas divulgadas também mostram que a grande deficiência do magnésio é devido as condições do solo, pobre em magnésio. Por conta disso, os alimentos que deveriam ser ricos desse mineral acabam possuindo um baixo índice do mesmo, tendo como resultado em nosso organismo a hipomagnesemia (falta do magnésio).

O que é Cloreto de Magnésio

Nosso corpo normalmente perde magnésio diariamente, através dos batimentos cardíacos, dos movimentos musculares, do alcoolismo e da produção de hormônios e outros. Além desses fatores, quando você está sob estresse, suas reservas de magnésio logo se esgotam.

O órgão responsável pelo controle dos níveis deste mineral em nosso corpo são os rins. Também são eles quem filtram as reações químicas no organismo e excretam os excessos através da urina. Esse processo evita então um acúmulo desnecessário, evitando complicações.

Quem pode ingerir o Cloreto de Magnésio?

Todos nós podemos tomar e devemos suprir a falta de magnésio em nosso corpo, exceto quem sofre com insuficiência renal e faz hemodiálise, por precaução.

Necessitamos repor diariamente esse mineral, principalmente na idade adulta, para que o nosso corpo funcione corretamente. Ainda mais porque, aproximadamente 80% da população tem carência desse Sal, tão essencial para a saúde humana.

Como os suplementos de cloreto de magnésio têm pouquíssimos riscos de efeitos colaterais e toxicidade, muitos profissionais da saúde recomendam a ingestão no dia a dia, para assim evitar a deficiência.

Todavia, é relevante citar que segundo o National Institutes of Health (NIH), a avaliação dos níveis de magnésio é muito complicada. Porque a maioria estão depositadas dentro das células e nos ossos, enquanto na corrente sanguínea contém somente 1%. Com isso, torna-se difícil determinar a deficiência no resultado de um hemograma.

Alguns sintomas causados pela deficiência de magnésio

  • Pressão alta, artérias entupidas
  • Dano renal e hepático
  • Danos por peroxinitrito podendo levar à enxaqueca, glaucoma, esclerose múltipla e até Alzheimer
  • Deficiências nutricionais como: vitamina k, vitamina B1, cálcio e potássio
  • Agrava os sintomas da TPM
  • Alteração no humor
  • Insônia
  • Osteoporose
  • Cãibras e fraquezas musculares
  • Infecções bacterianas ou fúngicas recorrentes, devido baixos níveis de óxido nítrico ou sistema imunológico deprimido

Formas Encontradas de Magnésio

Há diversas formas deste mineral. Entre elas estão o: Citrato de Magnésio, Cloreto de Magnésio P.A., Magnésio Quelado (protegido com aminoácidos), além de outros.

 

O magnésio quelado pode ser:

  • Magnésio Dimalato
  • Magnésio Treonato
  • Cloreto de Magnésio Glicina
  • Magnésio Glicil Glutamina

 

Siga o link a seguir, para saber como preparar e como tomar cloreto de magnésio. Comprove os inúmeros benefícios que ele irá proporcionar, à você e toda sua família!

O que é
5 (100%) 10 votes
DMCA.com Protection Status
error: Content is protected !!